Art. 2° Inciso III

Art. 2° Inciso III – Sigilo profissional de administradores

O Art. 2° Inciso III refere-se ao sigilo profissional que deve ser praticado por alguém formado em administração.

O Código de Ética dos Profissionais de Administração (CEPA) regula os direitos e deveres dos profissionais de administração.

Ao longo de toda a sua carreira, você vai se deparar com momentos em que a sua reputação profissional será colocada em jogo. O modo como você agir diante desses fatos poderá interferir no seu trabalho por muitos anos.

Há diversas situações nas quais você precisará guardar segredo sobre o ocorrido. Ou seja, não poderá revelar a terceiros o que realmente aconteceu.

Como o Art. 2° Inciso III funciona?

A sociedade, seus clientes, o código de ética de administração e a justiça esperam credibilidade, honestidade e confiança de você.

Guardar sigilo é um dos seus deveres durante o exercício da profissão.

O sigilo só pode ser revelado quando resultar em prejuízo ao cliente ou sob determinação judicial.

Enquanto não for permitido comentar ou divulgar um fato, você deve mostrar o quanto seu trabalho é confiável a população – e é sobre isso que o O Art. 2° Inciso III fala.

Qualquer descumprimento das regras pode afetar duramente a sua reputação profissional.

Entenda que durante todos os anos da sua carreira, as pessoas esperam experiência, conhecimento, qualidade e eficiência no seu trabalho.

Mas se essas qualidades não forem acompanhadas de honestidade e integridade, você será desvalorizado como profissional e pode sofrer penas duras, que comprometam a continuidade do seu trabalho como administrador.

O Conselho Federal de Administração incentiva todos os profissionais de administração a agir da forma correta e manter o sigilo sempre que for necessário.

Os momentos em que você precisar manter sigilo sobre uma operação ou situação podem contribuir para a sua reputação, ou destruí-la totalmente.

No momento em que seus clientes, a sociedade e a justiça perderem a confiança em você, será difícil mudar esse fato.

Por isso, em hipótese alguma, deixe as pessoas ficarem desconfiadas de você.

Leve o seu trabalho a sério. Não comente sobre situações que você não está autorizado a falar. Fique em silêncio até o seu depoimento ser solicitado.

Se você quer ter mais informações sobre o Código de Ética do Administrador, clique aqui.

Sair da versão mobile